comércio eletrônico no Brasil cresceu 43% entre 2010 e 2011, movimentando US$ 25 bilhões no ano passado, aponta um estudo realizado pela AméricaEconomia Intelligence, encomendado pela Visa. O volume coloca o Brasil como o primeiro país da América Latina em que as vendas onlineatingiram 1% do PIB.

Entre os fatores que influenciaram no aumento de vendas do e-commerce estão maior segurança no momento da compra, canais de vendas em redes sociais e maior uso de meios de pagamentos eletrônicos, como cartões de crédito. Outro fator importante apontado no relatório foi a popularização dos cupons de desconto dos sites de compra coletiva.

Os países da América Latina e do Caribe que apresentaram maior participação, no total das compras de e-commerce são Brasil, responsável por 59,1% das vendas no comércio eletrônico, seguido pelo México, que registrou 14,2%. O Caribe contribuiu com 6,4%, Argentina com 6,2%, Chile (3,5%), Venezuela (3,3%), América Central (2,4%), Colômbia (2%) e Peru (1,4%).

De acordo com o estudo, espera-se que a região tenha um crescimento de 26% no comércio eletrônico em 2012, e de 28,5%, em 2013. Da mesma forma, espera-se que até 2015, a internetmóvel gere uma maior atividade de compra, uma vez que smartphones deverão representar 50% do mercado.

Fonte: Zero Hora/Clicrbs